EM DESTAQUE

Raul Castro presidente da Câmara da Batalha com maioria absoluta (atualização)

O Movimento Independente Batalha é de Todos, liderado por Raul Castro, venceu as eleições autárquicas deste domingo, ...


O futuro muda todas as vezes que nos voltamos ou olhamos na sua direção

Há 30 anos estava e vivia na Batalha. Contudo, devido à minha actividade profissional, de gestor de empresas, consultor e auditor externo do DAFS e...

A arte de não fazer nada

Hoje dormi 12 horas. Foi com um olhar espantado que visualizei as 12h45 no ecrã do telemóvel quando consegui abri os olhos o suficiente para ver o ...

O trabalho terá sempre um valor central

Onde estava e o que fazia há 30 anos? Em 1990, casado e com dois filhos vivia na Batalha e trabalhava em Leiria no meu local de trabalho de semp...

A importância de uma rede social eficaz

Onde estava e o que fazia há 30 anos? Esta edição do Jornal da Batalha assinala mais um aniversário. O Jornal da Batalha nasceu há 30 anos, exat...

Mil pessoas e 200 empresas solicitaram testes à Covid-19

A Câmara da Batalha iniciou no dia 6 de julho a primeira fase de disponibilização de testes serológicos ao SARS-COV-2 à população em geral e junto ...

2020 - O ano da mudança

2020 é um ano que perdurará na nossa memória. Foi no início deste ano que a pandemia que nos assola atualmente começou a dar os primeiros sinais de...

Cuide da sua saúde! - Alguns conselhos práticos

O que é a saúde? O conceito de saúde foi amplamente modificado ao longo do tempo. Estar saudável não é apenas a ausência de doenças, envolvendo ...

Pandemia ditará o futuro próximo

Os últimos 30 anos foram uma época de enormes mudanças, tanto no mundo como, em particular, na nossa região. A minha expetativa para os próximos an...

Assembleia municipal reclama início imediato das obras no mosteiro

A Assembleia Municipal da Batalha aprovou no dia 22 de junho, por unanimidade, uma moção que “reclama a maior urgência o início das obras anunciada...

Novas tecnologias e a robótica irão marcar os próximos anos

Onde estava e o que fazia há 30 anos? Estava na freguesia da Batalha, trabalhava numa empresa de máquinas agrícolas. Hoje trabalho como serralhe...

O que quebra um vime, não quebra um feixe

Quanto tempo tem 30 anos. A resposta é impossível. As nossas experiências, a maneira como as vivemos e a forma como as ordenamos na gaveta da impor...

As lendas e a verdade histórica

As lendas, não obstante serem frequentemente bem entretecidas, raramente correspondem a um facto histórico pelo que nos induzem em erros que se vão...

Continuar a apoiar o associativismo sem procurar mediatismo

Onde estava e o que fazia há 30 anos? Há 30 anos, residia na casa dos meus pais no Reguengo do Fetal e encontrava-me a estudar no Agrupamento de...

Pandemia: Clubes recebem 75 mil euros antecipados

O Município da Batalha decidiu “antecipar apoios financeiros excecionais para minimizar os impactos das associações e clubes desportivos locais”, n...

Trinta anos de liberdade para criar

O Jornal que agora completa trinta anos de existência sempre me acompanhou, não fosse eu um ano mais novo que este periódico. Lembro-me de olhar pa...