Seu Jorge encabeça programa que vai da música ao voluntariado

As Festas da Batalha voltam a apostar, pelo terceiro ano consecutivo, num artista internacional. Como sucessor de Calum Scott e Gabriel O Pensador, sobe ao palco Seu Jorge, um dos nomes mais importantes da música brasileira.

O artista, cantor, compositor e multi-instrumentista e autor de músicas como “Burguesinha” ou “Amiga da Minha Mulher”, sobe ao palco na noite de quarta-feira, 14, feriado municipal – cuja sessão solene é dedicada ao voluntariado -, para um concerto, com entrada gratuita – como os restantes que constam no cartaz -, a realizar no Campo de Futebol António Gomes Vieira.

Pelo palco das Festas da Batalha passam ainda nomes relevantes do panorama musical nacional, com destaque para os concertos de Amor Electro (dia 15), Anjos (dia 16), e o cantor angolano Matias Damásio (dia 17). A finalizar os festejos, no dia 18, regressa à Batalha de José Cid. Destaque ainda para a atuação, no palco principal, da dupla de DJ da RFM, Rich & Mendes (dia 17).

No recinto dos festejos estará instalada uma tenda eletrónica, prolongando a animação pela noite dentro. Asseguradas estão as participações de DJ como Miguel Chagas e Paulo Granada, Oskar, Pedro Cazanova e Sara Santini.

A programação das Festas da Batalha inclue também representações teatrais, no Mosteiro da Batalha, no âmbito de uma parceria com o grupo de teatro O Nariz, que apresentará nos dias 14, 15 e 17, sempre às 19h00, a sua mais recente produção, “História de Nuno Álvares Pereira – Santo Condestável”. As inscrições, limitadas a 90 pessoas por sessão, são gratuitas e obrigatórias, devendo ser realizadas através da plataforma eletrónica de reservas do município.

Quanto à componente desportiva dos festejos, realizam-se, no dia 15, a provas de atletismo Mestre de Avis, Batalha Jovem e uma caminhada, pela Vila, com inscrições através da plataforma lap2go.com.

O recinto dos festejos acolhe ainda as tasquinhas tradicionais, garantidas pelas associações concelhias, bem como uma exposição de viaturas, máquinas agrícolas e produtos regionais.

“As Festas Batalha são hoje uma referência indiscutível da região centro, atraindo à Batalha milhares de pessoas”, refere o presidente do município, Paulo Batista Santos, que destaca “o forte envolvimento nos festejos das associações concelhias, refletindo o forte espírito de participação da comunidade nas atividades programadas”.


NESTA SECÇÃO

Épico Jazzístico dos Sonhos Perdidos

Encontrava-me no dia 3 de Maio de 1935, numa Lisboa quente e soalheira, mesmo que o cumprime...

Linha “Batalha Voz Amiga” presta apoio emocional

A câmara municipal criou a linha telefónica “Batalha Voz Amiga”, destinada todos os seus mun...

Batalha abre mercadinho para ajudar quem precisa

O pavilhão multiusos da Batalha acolhe no fim de semana, dias 6 e 7 de junho, a 1ª edição do...