Prémio de arquitetura para requalificação no Reguengo

O prazo para a apresentação de candidaturas ao Prémio Municipal de Arquitetura Mateus Fernandes, organizado pela câmara municipal, termina a 30 de novembro e o vencedor ganha cinco mil euros.

Os projetos a submeter a concurso devem propor uma intervenção da requalificação do espaço público na zona envolvente do Largo da Praça da Fonte, na freguesia de Reguengo do Fetal.

O espaço, considerado um dos ex-libris da aldeia, tinha uma palmeira centenária que foi derrubada aquando da passagem da tempestade Ana, em dezembro do ano passado.

Em termos gerais, o prémio destina-se a galardoar os melhores projetos de requalificação urbana com prioridade para obras de intervenção em espaços exteriores de uso público e que se destaquem pelas soluções adotadas para a melhoria da qualidade do espaço exterior.

O regulamento, a ficha de inscrição e os restantes documentos associados ao concurso encontram-se disponíveis no portal do município na Internet.

O Prémio de Arquitetura Mateus Fernandes homenageia o arquiteto, natural da Covilhã, que dirigiu as obras do Mosteiro da Batalha por mais de 25 anos, tendo falecido em 1515.

 


NESTA SECÇÃO

Estudo de impacto ambiental da Barrosinha à beira do chumbo

O pedido de licenciamento da pedreira da Barrosinha, na freguesia de Reguengo do Fetal, está...

Pedreira da Barrosinha pode acabar em tribunal e com indemnizações

Há intervenções e decisões promovidas até agora por algumas entidades públicas e privadas no...

Emigrante da Torre condenado por matar cliente “sem querer”

Um português natural da Batalha foi agora condenado a sete anos de cadeia por ter assassinad...