Prémio de arquitetura para requalificação no Reguengo

O prazo para a apresentação de candidaturas ao Prémio Municipal de Arquitetura Mateus Fernandes, organizado pela câmara municipal, termina a 30 de novembro e o vencedor ganha cinco mil euros.

Os projetos a submeter a concurso devem propor uma intervenção da requalificação do espaço público na zona envolvente do Largo da Praça da Fonte, na freguesia de Reguengo do Fetal.

O espaço, considerado um dos ex-libris da aldeia, tinha uma palmeira centenária que foi derrubada aquando da passagem da tempestade Ana, em dezembro do ano passado.

Em termos gerais, o prémio destina-se a galardoar os melhores projetos de requalificação urbana com prioridade para obras de intervenção em espaços exteriores de uso público e que se destaquem pelas soluções adotadas para a melhoria da qualidade do espaço exterior.

O regulamento, a ficha de inscrição e os restantes documentos associados ao concurso encontram-se disponíveis no portal do município na Internet.

O Prémio de Arquitetura Mateus Fernandes homenageia o arquiteto, natural da Covilhã, que dirigiu as obras do Mosteiro da Batalha por mais de 25 anos, tendo falecido em 1515.

 


NESTA SECÇÃO

Orçamento participativo com 12 propostas em votação

A câmara municipal revelou esta quinta-feira, 21, que o Orçamento Participativo da Batalha c...

“Joia da Batalha” quer ser uma das “7 Maravilhas”

O Mosteiro do Leitão candidatou ao concurso “7 Maravilhas Doces de Portugal” um doce que bat...

Projetos do concelho no prémio “Ciência na Escola”

Três projetos de alunos do Concelho da Batalha passaram à fase de desenvolvimento da 16ª edi...