Parque de eventos garante prémio nacional à autarquia

O Parque de Eventos Santa Maria da Vitória foi considerado o melhor projeto apresentado na categoria de Planeamento Urbanístico pelo júri da 2ª edição do Prémio Autarquia do Ano.

Ao todo foram 30 projetos premiados, num total de 10 categorias e 25 subcategorias, entre 50 municípios que apresentaram candidaturas, numa iniciativa com o apoio do jornal ECO, que anunciou o nome dos vencedores a 29 de março.

“Esta distinção confirma o mérito de transformação que fizemos nos últimos anos ao nível do planeamento urbanístico na zona histórica da vila da Batalha, bem assim valoriza a opção de reabilitar uma zona degradada – o antigo campo de futebol - para parque de eventos e de lazer para a população”, considera o presidente do município, Paulo Batista Santos.

O grande destaque foi para as câmaras de Mação, que arrecadou o Grande Prémio com o projeto “Mação, um concelho amigo do idoso”, e de Boticas, que venceu o Grande Prémio Originalidade com o projeto “Recordar é viver”, ambos na categoria Apoio Social e subcategoria Qualidade de Vida na Terceira Idade.

O painel do júri foi constituído por Miguel Ribeiro Ferreira, CEO da Fonte Viva, Luís Nazaré, professor universitário do ISEG, Ana Firmo Ferreira, CEO do Lisbon Awards Group, Gonçalo Saraiva Matias, professor universitário na Faculdade de Direito da Católica Portuguesa, Paulo Padrão, diretor-geral do ECO e, ainda, Teresa Figueira, partner da Lift Consulting e Presidente da APECOM.


NESTA SECÇÃO

Julgado de Paz fica nos antigos paços do concelho

A assinatura do protocolo de instalação no edifício dos antigos paços do município do Julgad...

Cadastro simplificado avança no município

O Município da Batalha anunciou no dia 9 de março que vai começar a fazer a representação gr...

A revolução editorial - entrevista com Hugo Xavier

No ano de 2015 presenciámos uma mudança no paradigma editorial português, com o aparecimento...