Museu da Comunidade Concelhia da Batalha

Município da Batalha MCCB

Museus e histórias contestadas: dizendo o indizível nos museus

Museus e histórias contestadas: Dizendo o indizível nos museus é o tema eleito pelo Conselho Internacional dos Museus (ICOM) para a celebração do Dia Internacional dos Museus 2017, que se celebra a 18 de maio.

A temática vem reforçar a função que os museus têm nas comunidades e a sua promoção de relações pacíficas entre as pessoas. Destaca também como a aceitação de uma história contestada pode ser o primeiro passo para encarar o futuro de reconciliação.

Ao escolher dizer o indizível nos museus, o ICOM procura fazer entender os aspetos incompreensíveis das histórias contestadas inerentes à raça humana; e encoraja também os museus a desempenhar um papel ativo na abordagem pacífica das histórias traumáticas pela mediação de múltiplos pontos de vista. Este é um desafio que o ICOM lança a todos os museus do mundo, tendo em vista uma ligação que permite uma visão que ultrapasse os temas tabu e alcance uma melhor compreensão mútua.

Encara-se a pertinência deste tema como um abanar da consciência internacional para os rumos causados pelos diversos conflitos noticiados, não só na movimentação dos povos, mas também no temor do aumento das reações xenófobas e das procedentes resistências patrióticas. Recorde-se que o ICOM estabeleceu o Dia Internacional dos Museus em 1977 para aumentar a consciencialização pública sobre o papel dos museus no desenvolvimento da sociedade e tem vindo a ganhar dinamismo desde então.

Em 2016, o Dia Internacional dos Museus conquistou uma participação recorde com mais de 35.000 museus que acolheram eventos em 145 países. O Comité Nacional Português do ICOM canaliza para os museus nacionais esta missão convidando-os a celebrar a data com iniciativas pertinentes para as comunidades que representam. De norte a sul do país e nas ilhas desenrolam-se atividades que envolvem pessoas de diversas idades. Assinala-se também a Noite dos Museus, associada ao evento, e que convida o público a vivenciar os museus fora do horário habitual, numa experiência que muita curiosidade suscita.

Consulte a página do MCCB ou visite-nos diretamente e saiba as iniciativas o que o Município da Batalha, através do seu museu, preparou para a celebração desta data. Largo Goa, Damão e Diu; telefone: 244 769 878; e-mail: geral@museubatalha. com; Site: www. museubatalha.com.


NESTA SECÇÃO

Mudança de opinião e trabalho de casa

Nos últimos dias, a pretexto da reposição do tempo de serviço perdido pelos professores dura...

Depois de quase meio século do 25 de Abril de 74

Decorrido praticamente um quarto do século XXI e poucos dias após se ter comemorado mais um ...

Uma Matriz comum a católicos e ortodoxos

É um facto a assinalar com júbilo e um acto a merecer os maiores louvores a cedência, pelas ...