NCB

Notícias dos Combatentes

As instalações do núcleo

Os combatentes são um fragmento da sociedade a quem devemos todos prestar especial atenção, tendo em conta não exclusivamente o facto de terem prestado relevantes serviços à Nação, como também à condição de deficiência, nem sempre visível, de muitos deles, aos traumas que consigo carregam e que quase sempre atingem as próprias famílias, pelo que, por isso, precisam de apoios de vária natureza, não tão-somente institucional, mas também governamental. 

É com agrado que olhamos para o apoio com que grande parte dos municípios brindam os seus combatentes, com a cedência de espaços acessíveis e condignos, onde os núcleos podem, assim, reciprocamente, cooperar com os órgãos de soberania e da administração pública, com vista à realização dos seus objetivos, nomeadamente no que respeita à adoção de medidas de assistência a situações de carência económica dos associados, desenvolvendo também os seus objetivos de promoção da proteção e auxílio mútuo. Todo este trabalho efetuado pelos núcleos da Liga dos Combatentes permite aliviar os serviços sociais e os meios financeiros, para tais apoios, por parte das autarquias, pelo que assim se entende o facto de praticamente todos os núcleos operarem em espaços cedidos pelas suas edilidades.

É do conhecimento geral o esforço que os nossos associados, que ainda se conseguem deslocar, fazem para aceder ao atual espaço, exíguo, situado num alto, longínquo do centro, sem estacionamento, e que se fosse acessível e com as devidas condições, para além de prestar mais e melhor apoio a mais associados que lá se deslocariam, permitiria também tornar-se num local de convívio, frequentado diariamente por quem quer conviver com os seus pares e partilhar memórias que, de outro modo, cairão no esquecimento.

O núcleo da Batalha entende as restrições orçamentais, provocadas pela grave crise económica que afetou o país nos últimos anos, mas, a ver pela obra realizada e pela aposta do município da Batalha, nos últimos anos, na melhoria das condições de mobilidade urbana, está profundamente confiante e otimista que, após as eleições autárquicas que se avizinham, venha a ser o próximo núcleo a ter a felicidade de lhe ver entregue um espaço onde possa cumprir os objetivos que lhe estão confiados, nomeadamente, e como referido anteriormente, no alívio ao município, no que concerne ao apoio psicossocial dos seus combatentes.

E a cereja no topo do bolo seria, certamente, a possibilidade da execução do monumento ao combatente, tão contiguo quanto possível ao novo espaço.

Acreditamos que é possível.

 


NESTA SECÇÃO

#Metadiscussão #PinhaldoPovo #IniciativaCidada

As nossas redes sociais funcionam um pouco em favor das estações: da Primavera da Eurovisão,...

A minha amiga e o nosso quarto

Nunca dividi quarto. Essas quatro paredes onde passamos metade do dia sempre foram “só minha...

Vamos aos fados com Ana Moura

Desconhece-se qual a origem do fado: há quem diga que teve origem no lundum, uma dança brasi...