Sónia Almeida

USF Condestável, Batalha

A importância do consumo regular de água

A Assembleia Geral das Nações Unidas definiu, em 1993, o dia 22 de março como o Dia Mundial da Água. No Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, realizado pela Direção Geral de Saúde, a água apresenta um papel de destaque, encontrando-se no centro da Roda dos Alimentos. Isto deve-se à importância que esta assume na promoção da saúde e prevenção da doença, como parte integrante de uma alimentação saudável.

O nosso organismo é constituído maioritariamente por água. De acordo com o Instituto de Hidratação e Saúde, o total de água corporal perfaz 52 a 66% do peso do corpo, dependendo de vários fatores como a idade, sexo, entre outros.

Por esse motivo, nunca é demais relembrar os benefícios de uma ingestão diária de água adequada, de cerca de 1,5-2 litros.

A água é responsável pelo transporte de nutrientes para as células, pela eliminação de substâncias tóxicas resultantes do metabolismo, participa em reações enzimáticas e ajuda na regulação da temperatura corporal. Também desempenha um papel importante ao nível do sistema cognitivo, melhorando a capacidade de concentração e memória. O aporte insuficiente de água pode levar ao compromisso do sistema renal, estando já bem estabelecida a relação entre o deficiente aporte de água e a formação de cálculos renais e infeções urinárias. Também é essencial para um bom funcionamento circulatório e digestivo.

A água acelera o metabolismo contribuindo para a manutenção do peso. Também é responsável por manter a elasticidade e juventude da pele. É essencial para um bom desempenho físico, pois lubrifica as articulações e promove o bom funcionamento dos músculos.

Em determinadas condições, o consumo de água deve ser aumentado, nomeadamente na presença de febre, diarreia ou vómitos. Também se deve aumentar o seu consumo quando se pratica exercício, durante a gravidez e aleitamento.

A água deve ser consumida em pequenas quantidades ao longo do dia e nunca devemos esperar ter sede para a consumir.

Pelo facto de a água ser essencial para o bom funcionamento de todos os sistemas e órgãos do nosso organismo, beber água deve ser encarado como uma rotina e não como uma obrigação!


NESTA SECÇÃO

Em tempo de Covid, “contar carneirinhos” não chega

Março é um mês de mudança, onde a primavera bate à porta e o sol começa, timidamente, a apar...

Reabriu a extensão de saúde do Reguengo do Fetal

A extensão de saúde do Reguengo do Fetal reabriu no dia 15 de março, após obras de conservaç...

Vacinação contra a Covid-19: a luz ao fundo do túnel?

A pandemia Covid-19 foi decretada pela Organização Mundial de Saúde a 11 de março de 2020. A...