Célia Ferreira

AMHO A Minha Horta

Galinhas trabalham a terra

Março é o mês ideal para começar uma horta, principalmente quando queremos que as plantas nasçam na nossa terra - é um mês em que parece ser bom para tudo brotar.

Este é o mês de sementeiras e plantações por excelência.

Uma parte do meu quintal fica em pousio no inverno, dado que tenho menos tempo para cuidar dele, e porque também gosto que se auto-regenere. Sempre que tiverem áreas generosas de quintal, optem por não “abusar” da terra, deixem-na reorganizar-se. O engraçado é que continuei a apanhar muitas plantas que nasceram espontâneas e me surpreenderam com excelentes colheitas, desde acelgas, couves, funcho, borragem, capuchinhas, aipo, etc.

E agora que pretendo cultivar, deixei lá as galinhas a trabalhar. Limpam as ervas com que se alimentam, esgravatam a terra e eliminam lesmas e afins, estrumam, e ainda oferecem uns ovos super amarelinhos bem saborosos. Isto é fruto de entender que na natureza tudo se auto regula, se entendermos isso, podemos beneficiar com o seu ciclo de acontecimentos.

Hortícolas para semear e/ou plantar ao ar livre: aveia, abóboras, aipo, alfaces, alho francês, agrião, batatas, beringelas, beterrabas, brócolos, cebolas, cenouras, coentros, couves-flôr, couves-repolho, espinafres, ervilhas, luzerna, feijão, melão, malaguetas, nabiças, nabos, pepinos, pimentos, salsa, trigo, tomates, rabanetes, rúcula, coentros, calêndulas.

Jardim, semear: amores perfeitos (flores comestíveis), cravos, crisântemos, dálias, gipsofilas, girassol, goivos/bocas de lobo, capuchinhas (Flores comestíveis), perpetuas, proteas, sécias, zinias

Arbustos e árvores de fruto para plantar: amoreiras, arandos, framboesas, groselheiras, mirtilos, morangueiros, videiras.

Na horta cultivamos alimentos e sentimentos!

Boas colheitas


NESTA SECÇÃO

COVID-19? Guerra? Inflação? – Corações ao alto e viva a língua portuguesa!

Há mais de dois anos e meio que o Covid-19 nos inferniza a vida e, como um mal nunca vem só,...

Sem medos

Caro/a (s) Munícipes da Batalha, permitam-me que comece este artigo citando aqui a grande mu...

A açorda faz a velha gorda e menina formosa

“Em 711, os árabes do norte de África invadiram a Península Ibérica e derrotaram os visigodo...