Exposição liga Batalha aos principados romenos

Está patente no mosteiro uma exposição intitulada “Os principados romenos no tempo da construção da Batalha”, que “apresenta uma seleção espetacular de artefactos dos séculos XIV-XVI, provenientes do tesouro MNIR [Museu Nacional de História da Roménia] e feitos na Transilvânia, Moldávia e Valáquia”.

A exposição está patente na Capela do Fundador, até 31 de outubro, e foi organizada pela embaixada da Roménia, em parceria com o Mosteiro da Batalha, MNIR de Bucareste, Instituto Cultural Romeno e a Câmara da Batalha.

Dos pratos decorados com aves, de inspiração bizantina, até às peças de ourivesaria religiosa feitas em oficinas da Transilvânia pelos artesãos que seguiam modelos ocidentais, os objetos apresentados nesta exposição ilustram a vida quotidiana do homem medieval, tanto na sua vertente religiosa, como também na laica e áulica.


NESTA SECÇÃO

Destino de alguns valores do Mosteiro de Santa Maria da Vitória

Universalidade de Portugal Não sei se Portugal pode cumprir outra missão, servir ou...

Infante D. Henrique, Imperador de novos mares e de novos céus

Infante D. Henrique   “Talant de bien faire”   Tive a vocação do bem.   ...

ZêzereArts traz cinco coros ao mosteiro da Batalha

O Festival ZêzereArts apresenta este sábado, 20, nas Capelas Imperfeitas do Mosteiro da Bata...