Escultura do romeno Mircea exposta no mosteiro

O escultor romeno Mircea Roman expõe os seus trabalhos no Mosteiro da Batalha, sob o titulo “Sacríficio”, até 28 de outubro.

O cláustro e o percurso até ao panteão de D. Duarte acolhem 11 grandes obras do artista romeno, incluindo um monumental tríptico imaginado como uma reverência perante o engenho e a fantasia dos construtores medievais.

A exposição reúne interpretações esculturais livres que pretendem ser pendentes modernos para as famosas gárgulas espalhadas nas paredes externas do mosteiro.

“As personagens de Mircea Roman, que oscilam entre atitudes lúdicas e expressões dramáticas, têm uma atitude anti-gótica evidente, da mesma forma como o artista lida com a matéria, começando pela escolha das técnicas e acabando com as texturas resultantes”, segundo o Instituto Cultural Romeno Lisboa, que organiza a mostra em parceria com o mosteiro e a Contemporanii.

“A abordagem de Mircea Roman concretiza-se numa exposição com argumentos plásticos cintilantes, bem no coração do monumento anfitrião”, destaca.


NESTA SECÇÃO

Banda com raízes no concelho vence concurso internacional

A banda canadiana Social Hysteria, dos irmãos George e Alexandre Lopes, que têm ligações ao ...

Travaços Santos é sócio da Sociedade de Geografia

O investigador batalhense José Travaços Santos recebeu o Diploma de Sócio Correspondente da ...

"Tenor do Povo" dá concerto grátis na Batalha (c/vídeo)

A zona frontal do Mosteiro da Batalha é o cenário para um concerto único do conceituado arti...