Escritor batalhense apresenta "As Portas do Mundo"

O escritor batalhense Rui Ruivo apresenta o seu segundo livro, "As Portas do Mundo", no domingo, 29, no Auditório São Nuno Santa Maria - Centro Paroquial da Batalha.

A obra, que sucede a “Perdão Sem Julgamento”, publicada em 2014 – ambas sob chancela da Chiado Editora -, é apresentada a partir das 16 horas e já está disponível em diversas lojas na Internet e físicas em todo o país.

“Quando uma porta se encontra fechada, algo obscuro ela encerra. Deixamos de ver o que estará por detrás dela. Mas magistralmente uma outra se abre é aí que entra a nossa liberdade, a nossa inteligência e, aqui sim deve de entrar também o nosso coração para desvendarmos da melhor maneira o que essa porta acaba de nos escancarar”, lê-se na sinopse do livro.

Rui Ruivo envolveu-se indiretamente no grupo de teatro amador da Rebolaria, onde nasceu, e foi aí o ponto de partida para o seu percurso cultural. Escrever letras para as suas canções, foi a sua paixão logo aos dezoito anos.

É elemento de dois grupos de música tradicional da Batalha, há mais de 25 anos, membro da Sociedade Portuguesa de Autores, desde 1991, e da direção de Santa Casa da Misericórdia da Batalha.

“A escrita romantizada aparece anos mais tarde, como uma necessidade de libertar ideias formatadas, equiparando-as quer à realidade atual, quer à realidade memoriada. Mais do que um contador de histórias, o autor procura através delas, introduzir as suas opiniões”, refere o site da Chiado Editora.

O livro em papel custa 14 euros e versão digital (ebook) três euros.


NESTA SECÇÃO

Banda com raízes no concelho vence concurso internacional

A banda canadiana Social Hysteria, dos irmãos George e Alexandre Lopes, que têm ligações ao ...

Travaços Santos é sócio da Sociedade de Geografia

O investigador batalhense José Travaços Santos recebeu o Diploma de Sócio Correspondente da ...

"Tenor do Povo" dá concerto grátis na Batalha (c/vídeo)

A zona frontal do Mosteiro da Batalha é o cenário para um concerto único do conceituado arti...