Desemprego cai para metade no município

O Concelho da Batalha registava em julho apenas 219 desempregados (76 homens e 143 mulheres), o que o coloca na sexta posição do distrito nesta matéria, segundo o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

Estes dados significam uma redução de 224 desempregados (menos 120 homens e 104 mulheres) desde julho de 2015, ou seja, uma quebra de 50,56%, a sexta maior do distrito.

Em termos gerais, o número de desempregados no distrito de Leiria caiu para quase metade em quatro anos. Havia 9.267 pessoas sem trabalho em julho último na região – menos 46,53% em relação ao período homólogo de 2015.

No início do quinquénio havia 17.332 pessoas sem ocupação profissional, mas desde então foram criados 8.065 postos de trabalho, a maioria (4.096) ocupados por mulheres. No período em análise, percentualmente, o desemprego no distrito caiu 52,77% entre os homens e 41,75% entre as mulheres.

Os concelhos de Leiria, Marinha Grande e Caldas da Rainha lideram a tabela do número de desempregados, os únicos que registam acima de mil pessoas sem ocupação profissional. Mas, Leiria também está à frente na criação de postos de trabalho (1.900; 971 dos quais para mulheres), seguindo-se as Caldas da Rainha (919; 478 deles para homens) e Alcobaça (852; 446 destinados a mulheres).

Em termos percentuais, a maior redução do volume de desemprego verifica-se em Castanheira de Pera (64,32%), seguindo-se Ansião (61,98%) e Porto de Mós (57,70%). Os concelhos de Pedrogão Grande e Castanheira de Pera são os únicos em que o trabalho feminino cresceu acima do masculino, e apenas 1,38%

1,31%, respetivamente.

Em comparação com o conjunto dos distritos do continente, a percentagem de desempregados do distrito era de 3,37%, um valor que diminui para 3,12% se incluirmos os valores referentes à Madeira e Açores (total nacional de 297.290 pessoas). Há quatro anos as percentagens eram de 3,47% e 3,25%, respetivamente.

 


NESTA SECÇÃO

Turismo dá primeiros sinais de retoma

A Airbnb lançou no dia 11 de junho uma iniciativa para apoiar o crescimento económico local ...

Produção de coelhos escapa à pandemia

O estado de emergência decretado em março de 2020 determinou o encerramento de restaurantes ...

Plano prevê meio milhão de euros para ajudar a economia da Batalha

A Câmara da Batalha aprovou um plano financeiro, que envolve um investimento direto de meio ...