Comunidade contra pesquisas de gás natural na região

A Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria (CIMRL), que inclui o Concelho da Batalha, aprovou uma moção em que “expressa junto das entidades competentes no controlo dos contratos de concessão das áreas denominadas "Batalha" e "Pombal" a maior preocupação à realização de trabalhos de pesquisa relativos à possível exploração de hidrocarbonetos, previstos realizar em Aljubarrota e na Bajouca, no concelho de Leiria”.

A CIMRL decidiu ainda, na sua reunião de 10 de dezembro, “apresentar junto das entidades governativas com tutela nas áreas da economia e ambiente, a posição firme de rejeição de realização de trabalhos de exploração de hidrocarbonetos nas áreas concessionadas, pelo risco de contaminação dos aquíferos (um dos maiores do país) por hidrocarbonetos e metais pesados”.

Por isso, “exige à concessionária que todas as atividades a desenvolver deverão estar em total concordância com os instrumentos de ordenamento do território de âmbito nacional, regional e municipal em vigor, nunca perdendo de vista ser necessário assegurar a preservação do património histórico e ambiental, bem assim garantir da qualidade de vida das populações”.

Segundo as autarquias e a Associação de Defesa do Ambiente e do Património da Região de Leiria (OIKOS), “existe a possibilidade de a concessão admitir a realização de trabalhos de exploração de hidrocarbonetos com recurso à técnica de fraturação hidráulica”.

“Esta opção colocará os aquíferos que abastecem o município da Batalha em questão em gravíssimo risco de contaminação por hidrocarbonetos e metais pesados, facto tanto mais preocupante quanto a tipologia [frágil] de rochas é a mais comum na área de concessão”.

A moção refere ainda que “a atividade extrativa de hidrocarbonetos pode revelar-se danosa para o património arqueológico inventariado na região de Leiria, como vestígios de fixação Paleolítica, Neolítica, da Idade do Bronze, Idade do Ferro e presença Romana, para além de poder interferir com patrimónios classificados”.

 


NESTA SECÇÃO

Alternativa ao marasmo político e económico do concelho

Cansados das promessas dos partidos tradicionais e de figuras eternizadas como deuses, a Ini...

Uma câmara mais perto das pessoas

  A governação de uma câmara municipal é uma função nobre, que deve ter as pessoas em pri...

Combater as assimetrias que marcam as condições de vida no concelho

  O projeto CDU é a garantia de respeito pela escolha dos eleitores. Princípios de trabal...