Comunicado da administração e da direção do Jornal da Batalha

Caros Leitores

Anunciantes e Colaboradores

 

A Imprensa enfrenta uma nova crise. Uma crise que entrou de rompante e atingiu a sociedade de forma transversal, cujo fim e consequências globais ainda desconhecemos.

Não é relevante, neste momento, analisar o que conduziu a Imprensa ao seu estado atual: a pandemia, a crise de 2008, a Internet, as redes sociais, a gestão errática.

Neste momento importa decidir com os dados existentes.

O Jornal da Batalha, nas circunstâncias atuais – que acrescem às já difíceis previamente existentes – vê-se obrigado a suspender a publicação da edição em papel, em abril, até reencontrar os meios financeiros que permitam o seu regresso a casa dos assinantes e às bancas.

A explicação é simples: a generalidade dos anunciantes suspendeu ou reduziu a sua atividade bruscamente. Logo, o volume de publicidade caiu e deixou de pagar os custos de produção do jornal.

O Jornal da Batalha vai, no entanto, manter a sua edição na Internet (www.jornaldabatalha.pt). Será atualizada diariamente e/ou sempre que se justifique.

Caros Leitores, Anunciantes e Colaboradores: é em www.jornaldabatalha.pt e em https://www.facebook.com/jornaldabatalha que contamos agora com a vossa participação, sem a qual não chegaremos a bom porto no meio da atual tormenta.

 

A administração

Teresa Rita Marques

A direção

Carlos Ferreira

Batalha, 11 de abril de 2020

 


NESTA SECÇÃO

Bênção dos vitrais e das imagens dos Pastorinhos da igreja da Golpilheira

A celebração da bênção dos vitrais e das imagens dos Pastorinhos, na Igreja de Nossa Senhora...

Valorlis aposta na inovação tecnológica para otimizar a recolha de resíduos

  A Valorlis, empresa que gere a recolha seletiva e o tratamento de resíduos urbanos dos ...

Bênção dos bebés nas paróquias da Batalha e Reguengo do Fetal

Um grupo de 25 bebés das paróquias da Batalha e do Reguengo do Fetal foi apresentado pelas f...