Cancioneiro atua este domingo na Batalha

O Cancioneiro das Caldas da Rainha, liderado por Joaquim Calado, natural de Reguengo do Fetal, dá um concerto com entrada gratuita este domingo, 25, no auditório municipal da Batalha.

O grupo interpreta, a partir das 16 horas, canções do seu CD “Sons, Tons e Dons... de gente fixe sem renome mas com talento” e fados, tangos, valsas ou baladas de Coimbra, da autoria de famosos poetas e compositores portugueses.

O cancioneiro lançou o seu álbum de estreia a 8 de dezembro de 2017, no Centro Paroquial de Reguengo do Fetal, terra natal do mentor do grupo, Joaquim Calado, de 87 anos, que vive há décadas na cidade termal.

O disco integra desgarradas, fados e, sobretudo, canções dedicadas ao Reguengo do Fetal, e foi gravado de forma caseira, no espaço de ensaio do agrupamento, na rua Linda à Pastora, nas Caldas da Rainha.

É composto por 21 musicas, 20 das quais da autoria de Joaquim Calado, dez sobre o Reguengo do Fetal e as restantes são temas escritos por cinco poetas seus conterrâneos e um alentejano.

O cancioneiro, que inclui instrumentos como violas, cavaquinhos, percussão e harmónica, é composto por pessoas com idades entre os 54 e os 88 anos, que se dedicam à música popular nacional, sobretudo aos temas conhecidos da generalidade dos portugueses.

Além de Joaquim Calado, fazem parte do coletivo João Arroja, Lurdes Santana, Joaquina Nogueira, Manuel Coelho, José Lopes, Henrique Martinho, Fernando Branco e Victor Conceição.

Está a planear uma participação no Festival Europeu de Música Popular, em julho, em Viseu.


NESTA SECÇÃO

1º Festival de Teatro Infantil da Batalha tem mosteiro como palco

A APDRB - Centro Infantil Moinho de Vento promove no Mosteiro da Batalha e via online, entre...

Alberto Sardinha, uma das maiores figuras da cultura em Portugal

Círio   Caminho a descontar pecados em cada passo, em busca do santo da minh...

Nos 521 anos da Vila e do Município da Batalha

  A Pomba (Sobre o poema “o Arco” do poeta hispano-árabe de Múrcia Al-Buqayra, do sécu...