BUPi permite registo gratuito de terrenos

A Ordem dos Solicitadores e dos Agentes de Execução (OSAE), parceira do Ministério da Justiça no projeto-piloto BUPi – que permite o registo gratuito de terrenos em dez concelhos – alertou no início deste mês que o prazo termina já em outubro.

O projeto visa criar o cadastro do território e a OSAE tem 40 escritórios de solicitadores disponíveis em Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Pedrógão Grande, Penela, Proença-a-Nova, Sertã, Alfandega da Fé, Caminha, Góis, Pampilhosa da Serra e áreas limítrofes.

Qualquer proprietário de terrenos nestes concelhos, independentemente da região onde vive, pode utilizar este serviço (mais informação aqui)

O objetivo do projeto-piloto é delimitar terrenos e identificar proprietários através da fotointerpretação, georreferenciação e da centralização de informações.

Assim, os proprietários poderão recorrer a estes escritórios de solicitadores para garantirem, gratuitamente, o serviço, sendo que, depois, serão comunicadas as informações obtidas ao BUPi, dispensando qualquer outro ato adicional por quem iniciou o processo.

 


NESTA SECÇÃO

Loja do Cidadão atende mais de sete mil por mês

A Loja do Cidadão da Batalha atendeu 175.508 cidadãos repartidos pelos seus diversos serviço...

Casa do Mimo já tem viatura do Orçamento Participativo

A Casa do Mimo apresentou a viatura adquirida com a verba disponibilizada pelo Orçamento Par...

Já houve pelo menos 27 acidentes na Jardoeira

A rotunda da EN1, situada na Jardoeira, junto à vila da Batalha, foi palco em menos de três ...