A Opinião de António Lucas

Ex-Presidente da Câmara da Batalha

Bombeiros

No passado dia seis de dezembro, tiveram lugar as eleições para os órgãos sociais da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Batalha. Que me lembre foi a primeira vez que concorreram duas listas, o que seria muito salutar, no entanto os sócios são inteligentes e optaram pela escolha mais segura e garantida para o futuro da nossa associação de bombeiros.

A equipa vencedora já deu provas das suas capacidades e irá continuar a trabalhar afincadamente para que os nossos bombeiros possam continuar a prestar serviços de elevada qualidade a todos quantos necessitem dos seus serviços. As responsabilidades são grandes, quer de bombeiros, quer de dirigentes e as exigências cada dia maiores, necessitando de equipamentos atualizados e em perfeitas condições de funcionamento, o que obriga a investimentos constantes. Para o efeito, contamos que as entidades que tutelam a proteção civil cumpram com as suas responsabilidades, dotando as associações de bombeiros dos meios necessários e suficientes para estarem sempre a altura das necessidades das populações em matéria de proteção civil e socorro.

Quer poder central, quer poder local, quer a população, sabem que podem contar com os bombeiros em qualquer situação de emergência, logo, respeitem-nos, não lhes compliquem a atuação e não criem mais dificuldades atrasando os pagamentos imprescindíveis para o normal funcionamento de qualquer instituição, as quais os bombeiros não fogem à regra.

Felizmente os bombeiros da Batalha têm uma situação financeira estável, mercê da boa gestão implementada ao longo de muitos anos e ainda mercê de donativos obtidos há uns anos atrás. No entanto, essa reserva deverá ser preservado para suprimento de algum cataclismo futuro que nos possa assolar. Assim sendo, as entidades só têm que continuar a cumprir com as suas responsabilidades e competências, em tempo útil, para não complicarem a vida a quem tem que gerir estas associações.

Por esta via quero agradecer a todas as pessoas eleitas no passado dia 6 de dezembro para o próximo mandato de três anos, por se terem disponibilizado a trabalhar afincadamente em prol da nossa associação de bombeiros, deixando uma palavra especial para o presidente da direção, o Eng. Jorge Novo, desejando um mandato calmo e sereno, mas muito eficaz na gestão e na articulação com o comando e com todos os colaboradores e voluntários. À semelhança do que aconteceu no mandato que agora termina, estou certo que outro tanto acontecerá no mandato que agora se inicia.

Quero deixar também uma palavra de incentivo, agradecimento e solidariedade a todos os nossos voluntários que desempenham com competência, dedicação, esforço, empenho e disponibilidade, uma função fundamental para o bem estar dos nossos concidadãos, quer sejam pessoas individuais, quer sejam empresas.

Apelo também a todos os cidadãos que colaborem ativamente com os nossos bombeiros, ajudando-os neste nobre função, uma das mais nobres de todas.

Por fim, aproveito esta oportunidade para desejar a todos os leitores votos de um feliz Natal e de um excelente ano novo, com muita saúde e tudo de bem.

 


NESTA SECÇÃO

Orçamento PS, governo PS e execução orçamental do PS

Decorrem por estes dias negociações à esquerda com vista a permitir, não só a aprovação do o...

Uma nova equipa minhocas encontra-se a trabalhar na horta

Estamos a ter um inicio de janeiro bastante frio, no meu quintal tenho de resguardar as plan...

A Caixa de Pesos do Município da Batalha

A Carta da Vila, o pelourinho, os Paços do Concelho, a caixa de pesos, são tudo símbolos da ...